11 – Encontros por Acolhida

0
124

Paróquia Nossa Senhora Aparecida – Contagem

Somos uma paróquia bastante jovem, porém tivemos a experiência de iniciarmos, em 2016, os Encontros de Preparação para a Vida Matrimonial (EPVM) com encontros semanais, abordando os temas indicados no Guia de Preparação para a Vida Matrimonial da Pastoral Familiar .

No ano de 2017, passamos a utilizar a metodologia do livro “Matrimônio – Encontros de Preparação” e desde então estamos realizando duas preparações anuais, uma no primeiro semestre e outra no segundo.

As nossas preparações têm acontecido da seguinte forma: realizamos um encontro de acolhida para os casais, momento em que explicamos o modelo dos EPMV, dividimos os grupos e acertamos alguns detalhes sobre os próximos encontros. Dez encontros são realizados nas casas dos noivos e também dos agentes da pastoral, com o objetivo de nos aproximarmos da realidade de cada família. Alguns momentos durante a preparação são realizados com os agentes da pastoral familiar e há um encontro com o nosso pároco. Os certificados são entregues em uma Missa da Comunidade, como sinal de acolhimento aos noivos.

Realizar esse modelo de preparação para a vida matrimonial tem sido muito prazeroso para nós, agentes da pastoral familiar. Cada tema trabalhado tem nos fortalecido espiritualmente, estamos crescendo na fé pessoal e na fé vivida no dia a dia das nossas famílias. As experiências que são trocadas durante os encontros têm enriquecido o nosso casamento, assim como a nossa vida pessoal.

Temos obtido um retorno bastante positivo dos casais, que na maioria das vezes iniciam a preparação com resistência devido ao tempo que ela leva para ser concluída. Alguns acham que seria mais prático fazer uma preparação em um ou dois dias, mas depois que os encontros se iniciam essa resistência é totalmente vencida. Muitos casais avaliam que são momentos tão prazeroso que desejam continuar com a preparação mesmos após o seu término.

Estamos colhendo muitos frutos após as preparações, vemos casais mais engajados na comunidade e aprendendo a lidar com os desafios do matrimônio com mais maturidade e principalmente colocando Deus no centro da vida em família, conforme demonstram os testemunhos de alguns casais.

“Somos um casal que convive há 16 anos em união estável, e temos um filho. Já frequentávamos a paróquia, eu já era membro da pastoral litúrgica, porém meu esposo só ia à missa. Resolvemos receber o sacramento do matrimônio e fomos fazer a preparação. Fomos o primeiro grupo a experimentar os encontros por acolhida e isso foi tão gratificante para nós que resolvemos participar da Pastoral Familiar. Nossa vida como casal e família passou por uma transformação muito grande após o matrimônio e hoje Deus nos chamou a estar à frente, coordenando a Pastoral Familiar. Somos muito gratos por todas as bênção que Deus tem nos dado e esperamos ser luz para outros casais que se encontram em dificuldade.” Glaucia e Adoelson

“Acredito que com palavras nunca vamos conseguir expressar a maravilhosa experiência enriquecedora que tivemos no encontro EPVM. O novo modelo do encontro, fazendo com que cada tema seja tratado de forma individual, semanalmente permitiu uma partilha mais aprofundada, e depois com troca de experiências dos casais, de maneira que cada casal pôde se conhecer melhor e também outros casais do grupo.”

“A pastoral familiar nos acolheu de uma maneira que nos fez sentir realmente em casa, com a nossa família. Tiramos dúvidas, compartilhamos vários momentos, rimos, choramos, tudo muito intenso. Com certeza tivemos a confirmação de que estamos no caminho certo. Fomos em busca do matrimônio através do conhecimento em uma preparação correta. Sentimos o desejo também de compor futuramente essa pastoral que se fez mais do que importante durante esse período do EPVM.”