Segunda, 09 Março 2020 14:30

Pastoral Familiar tem formação sobre juventude, catequese e Campanha da Fraternidade 2020

Membros da Comissão Executiva da Pastoral Familiar Regional e coordenadores e assessores da pastoral nas dioceses, se reuniram no sábado, 7, na sede do Regional Centro-Oeste da CNBB.

Durante todo o dia eles tiveram três oficinas sobre juventude, com assessoria do padre Gilson Jardene, coordenador regional do Setor Juventude; e uma segunda sobre catequese familiar, cuja assessoria foi feita por agentes da Pastoral Familiar da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, do Balneário Meia Ponte, em Goiânia. A terceira assessoria foi conduzida pelo padre Roberto Moreira Vaz, da Diocese de Ipameri e pelo casal coordenador da Pastoral Familiar regional, Roberto Cirino e Darciene Leão, sobre a preparação dos noivos para a vida conjugal dentro do encontro de acolhida. O bispo auxiliar de Goiânia e referencial da Pastoral Familiar regional, Dom Moacir Silva Arantes, conferiu formação sobre a Campanha da Fraternidade 2020, que neste ano tem como tema “Fraternidade e vida: dom e compromisso”.

Segundo Dom Moacir, as oficinas ajudam a Pastoral Familiar a desenvolver sua atuação. “As oficinas nos ajudaram a pensar sobre como trabalhar em sintonia com o Setor Juventude e com a catequese. Padre Gilson nos deu algumas pistas. Já na oficina sobre catequese familiar, pensamos sobre como trabalhar a integração da Pastoral Familiar dentro da paróquia envolvendo-se na catequese de noivos, na catequese infantil, na catequese de jovens e na catequese de casais também”, afirmou.

A terceira oficina, conforme Dom Moacir, ajudou o grupo a trabalhar a preparação para o sacramento do matrimônio não na forma de cursos de noivos, mas na forma de encontros de acolhida, de acompanhamento dos casais que desejam. “Algumas dioceses estão trazendo suas experiências e, a partir delas, nós vamos construindo uma compreensão de que a Pastoral Familiar trabalha dentro da dimensão da pastoral de conjunto nas paróquias e nas dioceses”, explicou. A formação sobre a Campanha da Fraternidade, por sua vez, abriu reflexão sobre a ligação da Campanha com a evangelização das famílias a partir da Pastoral Familiar.

Roberto Cirino, coordenador regional da Pastoral Familiar, disse que as formações são um auxílio importante para que a pastoral atue com mais eficácia em seus trabalhos. “São oficinas que nos ajudam muito na caminhada porque a PF é uma pastoral transversal que atua com a catequese e com a juventude”, disse. Com relação à Catequese Matrimonial, ele explicou qual é o desafio da Pastoral Familiar hoje. “A nossa preocupação hoje é que a preparação para o Sacramento do Matrimônio não seja feita em um dia, uma tarde ou no fim de semana. É preciso realizar essa catequese, essa preparação para que o novo casal saiba o que é o sacramento do matrimônio. Só assim ele vai entender sua vocação ao matrimônio, e vai poder tomar a decisão consciente e terá também condições de trabalhar essa vocação”.

 

 



Serviço que se realiza na Igreja e com a Igreja, de forma organizada e planejada por meio de agentes específicos, com metodologia própria, tendo como objetivo apoiar a família a partir da realidade em que se encontra, para que possa existir e viver dignamente, estabelecer relacionamentos e formar as novas gerações conforme o plano de Deus.

Bispo referencial

Dom Moacir Silva Arantes

Assessor eclesiástico: Pe. Cleber Matos

Coordenação: Roberto M. Cirino e Darciene B. Leão

Contatos

(64) 3491-3044

E-mail: robertomcirino@gmail.com


© 2020 CNBB Centro-Oeste - Todos os direitos reservados

Rua 93, nº 139, Setor Sul, CEP 74.083-120 - Goiânia - GO - 62 3223-1854