Domingo, 28 Outubro 2012 18:40

Pastoral Carcerária realiza primeira reunião no Regional Norte III

Aconteceu nos dias 26 e 27 de outubro de 2012, em Miracema do Tocantins, o 1º Encontro Estadual da Pastoral Carcerária Regional do Tocantins. Participaram 18 pessoas da Arquidiocese de Palmas e das Dioceses de Miracema e Tocantinópolis. Foi a primeira vez que a Igreja naquela região se articulou e se reuniu para refletir sobre o sistema prisional no estado do Tocantins, bem como se organizou como Pastoral Carcerária. A Igreja já se faz presente nos presídios do Tocantins, porém isso não acontece de uma forma organizada em nível estadual. Dom Felipe, Bispo de Miracema e referencial para a Pastoral Carcerária do Regional Centro-Oeste, ao convidar para este encontro ressaltou a importância da Igreja ao se fazer presente nos cárceres, dando assistência aos irmãos e irmãs encarcerados, humana e espiritualmente.

A coordenadora da Arquidiocese de Goiânia e da PCR na Macro Região Centro-Oeste, irmã Maria José Monteiro de Oliveira, abordou a questão do perfil do agente da Pastoral Carcerária e explicou a organização da PCR em nível nacional. Já o direito dos presos à Assistência Religiosa, fundamentada na resolução n. 08 de novembro de 2011 do CNPCP-MJ, foi tratado pela irmã Petra S. Pfaller, vice-coordenadora Nacional da PCR, que ressaltou a dificuldade de se implantar uma assistência religiosa viável dentro dos cárceres no atual sistema prisional brasileiro. Também foi apresentado o material elaborada pela PCR nacional sobre a Formação Cristã nos cárceres, que são diversos roteiros que podem ser usadas nos encontros e celebrações dentro dos presídios. Os diversos subsídios estão à disposição no site da PCR nacional www.carceraria.org.br.
Neste encontro foi escolhida a nova equipe da Coordenação Estadual do Tocantins, composto pelo Pe. André Luiz R. Drumond, da Paroquia de Nossa Senhora Aparecida, da cidade de Colinas, coordenará os trabalhos da PCR no Tocantins, juntamente com o padre Pedro, da Paróquia Santo Antônio de Aureny III, de Palmas e o diácono Marcos Antonio Soares, também de Palmas.

As coordenadoras nacionais aproveitaram a viagem ao estado do Tocantins e visitaram diversas unidades prisionais em Palmas, Paraíso (Prelazia de Cristalândia), Araguaína (Diocese de Tocantinópolis) e Miranorte (Diocese de Miracema). Em cada cidade visitada, elas se reuniram com as equipes locais que se fazem presentes nos presídios destas localidades.

 

A Pastoral Carcerária é a presença de Cristo e de sua Igreja no sistema carcerário onde procura desenvolver todos os trabalhos que essa presença vem a exigir. A Pastoral mantém contatos e relações de trabalho e parceria com organismos dos poderes Executivo, Judiciário e Legislativo, como também ONG’s locais, nacionais e internacionais. Tem por objetivo a evangelização e promoção da dignidade humana por meio da presença da Igreja nos cárceres através das equipes de pastoral na busca de um mundo sem cárceres!

Bispos referenciais

Dom Eugênio e Dom Guilherme

Coordenadora: Padre Rafael de Sousa Soares, SPadV

Contatos: (62) 3264-1341
E-mail: rafa_soares_5@hotmail.com

© 2017 CNBB Centro-Oeste - Todos os direitos reservados

Rua 93, nº 139, Setor Sul, CEP 74.083-120 - Goiânia - GO - 62 3223-1854