Terça, 29 Novembro 2016 17:04

Dom Sergio da Rocha preside sua primeira missa como cardeal, na Catedral de Brasília

 

Na manhã do último domingo (27) a Arquidiocese de Brasília recepcionou Dom Sergio da Rocha, criado cardeal pelo papa Francisco no dia 19 de novembro, em Roma. O novo cardeal brasileiro presidiu missa na Catedral Metropolitana Nossa Senhora Aparecida com cerca de 2 mil pessoas presentes das mais diversas comunidades e paróquias da Arquidiocese.

Diversos bispos também participaram, como o arcebispo de Goiânia, Dom Washington Cruz e o bispo emérito de Floriano (PI), Dom Augusto Alves; os bispos auxiliares de Brasília, Dom José Aparecido, Dom Leonardo Ulrich Steiner e Dom Marcony Ferreira, além de padres, diáconos e seminaristas da Arquidiocese de Brasília. O bispo auxiliar Dom Valdir Mamede estava em Visita Pastoral Missionária, nas comunidades.

Antes da celebração, Dom Sergio foi homenageado com uma salva de palmas na Catedral. Diversas crianças, vestidas de ovelhas e guiadas por um pastor, se dirigiram até o altar para ficar perto do cardeal, enquanto ele ouvia as palavras de agradecimento e felicitação. Logo após a homenagem, o arcebispo recebeu de presente um novo Báculo, que para a Igreja representa o cajado que o pastor usa para conduzir o rebanho do Senhor.


“Recentemente aqui estive na nossa Catedral presidindo o encerramento do Ano Santo da Misericórdia que foi um momento especial que nossa Igreja esteve reunida para bendizer a Deus por tantos sinais que mostram o quanto Ele nos ama, que está conosco e nos conduz. E nós naquele momento ressaltamos que as portas da misericórdia continuavam abertas na Igreja. Hoje nós aqui estamos reunidos para bendizer a Deus mais uma vez por sua misericórdia”, disse, em tom de agradecimento, durante sua homilia.

Dom Sergio também falou sobre sua nova missão como cardeal. “Eu tenho dito em várias ocasiões que eu entendo que ser cardeal da Igreja é primeiramente um gesto de
bondade e confiança do papa Francisco, mas é acima de tudo, um gesto de misericórdia de Deus. Por isso estamos aqui nesta manhã dando continuidade àquele grande louvor pela misericórdia Divina”.

No fim da celebração, o bispo auxiliar Dom José Aparecido fez uma homenagem em nome de todo o Clero lendo um texto onde recordava momentos de convivência e pastoreio vividos com Dom Sergio. Dom Aparecido ressaltou a humildade e o grande amor que o cardeal tem pelo seu rebanho, sobretudo pelos mais pobres e flagelados.

Após a celebração, o arcebispo recebeu os cumprimentos dos fiéis.

Junto com Dom Sergio foram criados mais 16 cardeais, dos quais 13 eleitores, de 11 países diferentes. Com a escolha de Dom Sergio, o Brasil passa a ter onze cardeais, dos quais cinco com menos de 80 anos de idade, portanto, aptos a votar em eventual Conclave para a escolha de um novo papa: Dom Orani João Tempesta, arcebispo do Rio de Janeiro; Dom Raymundo Damasceno Assis, arcebispo emérito de Aparecida; Dom Odilo Pedro Scherer, arcebispo de São Paulo e Dom João Braz de Aviz, arcebispo emérito de Brasília.

Informações e fotos: Arquidiocese de Brasília



www.arquidiocesedebrasilia.org.br

ARCEBISPO

Cardeal Sergio da Rocha

BISPOS AUXILIARES

Dom Leonardo Ulrich Steiner

Dom Valdir Mamede

Dom José Aparecido

Dom Marcony Vinícius

ARCEBISPOS EMÉRITOS

Cardeal José Freire Falcão

Cardeal João Braz de Aviz

BISPOS AUXILIARES EMÉRITOS

Dom João Evangelista Terra

Dom Francisco de Paula Victor

(61) 3248-3455 / 3248-3477
sdarocha@terra.com.br

Res. SHIS Ql 12 Conj. 12 Lt.01 Lago Sul, CEP.: 71.630-325 Brasília – DF Caixa Postal 161/70351-550

© 2018 CNBB Centro-Oeste - Todos os direitos reservados

Rua 93, nº 139, Setor Sul, CEP 74.083-120 - Goiânia - GO - 62 3223-1854